Google+ Followers

sexta-feira, novembro 16, 2007

RELATÓRIO DA CONVENÇÃO INTERNACIONAL

 

 ECOS DA XXVI CONVENÇÃO ELOS INTERNACIONAL

 E CONVENÇÃO INTERCONTINENTAL - AMÉRICA DO SUL

 

 

Prezados Elistas,

 

Honrosamente, após organizarmos a XXVI Convenção Elos Internacional nos empenhamos pelo reconhecimento e sentimento de gratidão aos que compareceram e participaram das sessões plenárias, dos passeios, almoços e Jantar de Gala. Certamente, jamais esqueceremos do quanto foram importantes para o sucesso da convenção, nos incentivando a fazer o melhor. Nosso muito obrigado ao Presidente CE Alcindo Augusto Costa e CE Maria Eduarda (Lisboa), aos companheiros elistas Maria da Conceição e   Deodato Pires (Olhão), Manuel Fernandes (Coimbra), Armênio Vasconcelos (Leiria), – representando os Elos Clubes de Portugal –. Aos companheiros dos Elos Clubes de Londrina, Maringá, Mandaguari, São Paulo-Sul, Eça de Queiroz, Praia Grande, Santos, São Vicente,   Brasília, Belo Horizonte, Montes Claros, Teresópolis, Rio de Janeiro e Niterói.

 

Dedicamos especiais agradecimentos: ao Embaixador de Portugal no   Brasil Dr. Francisco Seixas da Costa que se deslocou de Brasília para o evento e ao Cônsul Geral de Portugal no Rio de Janeiro Dr. Antônio Almeida Lima; à Prefeitura de Niterói na pessoa do Prefeito Godofredo Pinto e sua esposa Professora Regina Pinto pelas ilustres presenças e apoio; ao Secretário Municipal de Cultura de Niterói Prof. André Diniz; ao Maestro J. Bernardo e a Banda Municipal Santa Cecília; a Diretora Marilda Ormy e toda a equipe   do Teatro Popular Oscar Niemeyer, que nos apoiou desde o início; à NELTUR – na pessoa do Presidente José Mauro Chaffic Haddad e seus Diretores: Cristina Caparica e José Augusto Vaz Neto; ao Maestro Israel Menezes e a Orquestra de Câmara do Colégio São Vicente de Paulo; aos palestrantes: CE Waldenir de Bragança, CE Jorge Loretti, CE Márcia Pessanha, CE Edmo Lutterbach e CE Rui Curvo; ao CE Carlos Mônaco por seu apoio e divulgação na imprensa; ao CE Coronel Antonio Ferreira Sobrinho que intermediou junto aos respectivos comandos – Tte. Marta e ao Tte. Coronel Marcílio do Forte do Gragoatá, ao Tte. Coronel Mello da Fortaleza Santa Cruz e   ao Tte. Coronel Antonio Marques do Forte Rio Branco – para realizarmos o Roteiro dos Fortes Portugueses em Niterói e o almoço na Praia do Forte do Imbuhy;   aos expositores e responsáveis pela mostra fotográfica: CE Liane Áreas e CE Will Martins; ao artista Sergio Doret que aceitou executar o projeto do Relógio Solar Equatorial, que doamos à cidade, além de Will Martins e Geraldo Moreira de Almeida Lima Junior, estes, muito colaboraram para a instalação desse monumento do Elos Clube de Niterói, assim como, no evento em geral; para a equipe formada pelos jovens: Ana Paula Almeida Lima Ribeiro e Raquel Almeida Lima Ribeiro (filhas da CE Labouré Lima), CE Marcelo Costa e CE Fabiana Gomes Oliveira – incansáveis na Secretaria da XXVI Convenção – todo nosso reconhecimento pelos méritos dos relevantes serviços prestados, por doação, ao Elos Internacional da Comunidade Lusíada.

 

Quanto à rede hoteleira, fizemos os contatos pessoalmente e, posteriormente, enviamos todo o material impresso, acompanhado de um ofício solicitando uma contribuição. Até o momento, não recebemos qualquer manifestação de interesse nos custos da impressão das respectivas logomarcas no folder – Hotéis Recomendados pelo Elos Clube de Niterói – contendo um mapa de localização, elaborado em um material muito bonito e de utilidade para os hóspedes que pretendam retornar à cidade e ou indicar esses hotéis.

 

Dando continuidade ao relatório, reiteramos que conforme interesse e solicitação do Vice-Presidente Intercontinental para América do Sul CE Miguel Contani, concedemos-lhe uma atenção especial para a realização dos trabalhos da Convenção Intercontinental – ocorrida sob a logística do Elos Clube de Niterói, que a fez constar dos preparativos do Programa e do cenário previamente montado para a Abertura Oficial da XXVI Convenção Elos Internacional –, movidos pelo sentimento de dever e consideração com todos os companheiros elistas. Acreditamos que, Para a Vice-Presidência Intercontinental, o resultado foi positivo sob todos os pontos de vista. Entretanto, até o momento, para essa realização, ainda não fomos abordados sobre as despesas.

 

Aproveitamos o ensejo para apresentar a nossa avaliação e o balanço numérico da XXVI Convenção. E desde já, agradecemos pelo empenho dos Presidentes que se fizeram presentes com suas delegações. Através dos números, em evidência no demonstrativo, reconheceremos os esforços de todos.

 

Sabemos que alguns elistas não puderam contribuir e ou comparecer, por motivos justificados. Compreendemos que os percalços existem e que não estamos isentos de um motivo de força maior nos fazer ausentes de um momento tão importante para o elismo, como aconteceu na XXVI Convenção Internacional, em Niterói.

 

De parte do Elos Clube de Niterói e da Coordenadora da Convenção, torna-se oportuno dizer, que até então, a nossa carreira dentro do Elos Clube – tanto o Presidente Tomaz Lima quanto a Coordenadora Labouré Lima – ambos, apenas com cinco anos de história no elismo. Contudo, apesar disso, nos empenhamos em honrar o compromisso assumido. Somos conscientes da qualidade do que oferecemos aos visitantes, em atividades sociais e turísticas e em termos culturais no elismo (dentro das nossas limitações). Reconhecemos que ocorreram algumas faltas, inadvertidamente, antes e durante as plenárias da Convenção. Entretanto, se por um lado, aprendemos com essas faltas, por outro, estamos conscientes que não falhamos sozinhos. No que tange às pequenas faltas nas sessões plenárias, assim como, ocorreu no momento do Termo de Posse, exigido no Jantar de Gala pelo Vice-Presidente Internacional António Abraços, entendemos que seja justo compartilhar tal falha com a Diretoria Internacional, pois não fomos instruídos, anteriormente, que essa providência nos cabia. Assim como, não nos foi transmitida nenhuma outra orientação, dentre as inúmeras iniciativas tomadas por nós, para que a XXVI Convenção acontecesse.

 

Após a  experiência vivida, sentimos que é válido sugerir para a próxima plenária da Convenção Internacional, que ao escolherem o clube organizador a sediar a futura convenção, dever-se-ia constituir, também, uma Curadoria Internacional – ou uma reunião da Diretoria Internacional, exclusivamente, com a finalidade de instruir sobre os procedimentos usuais – de apoio à convenção, formada por membros, que a partir de suas próprias experiências, possam intervir e oferecer todo o suporte necessário.

 

Verificando o mapa numérico do pós-evento, consideramos que urgem providências com as correções e atualizações das nominatas de todos os clubes. Pois, as que recebemos do Elos Internacional, quase todas, invariavelmente, estavam com endereços desatualizados. Algumas foram corrigidas. Com isso, acrescentamos nas despesas, um ou mais telefonemas, em alguns casos, onde houve a necessidade de confirmação do endereço. Até mesmos os e-mails, muitos retornaram.   Além do tempo gasto e os ônus do custo, o Presidente Tomaz Lima empregou uma boa soma em postagens pelos correios, entregas pelo moto-boy para os elistas de Niterói e alguns do Rio de Janeiro. Felizmente, nas duas vezes, em que fizemos remessas de Programas e Convites para os elistas de Portugal – aos cuidados do Presidente Internacional – conseguimos portador para levar em mãos. Ou então, essa despesa seria bem maior, aplicando as taxas internacionais.

 

Chegamos ao ponto, onde devemos transparência, especialmente, em sinal de respeito aos que participaram. E, conforme os números auferidos pelo balanço da convenção, existe uma diferença para menos, que importou em mais de vinte e seis mil reais. Importância essa, avalizada pelo Presidente Tomaz Lima – pessoa de reconhecida probidade, que sempre fez por merecer respeito e solidariedade dos seus companheiros – até agora, encontra-se em aberto, esperando a participação da Diretoria Internacional e da Vice-Presidência para a América do Sul .

 

No ensejo de encontrarmos a solução adequada, lançamos a feliz idéia de uma Rifa de Obras de Artes e fizemos os contactos – prontamente, as obras foram generosamente doadas por companheiros elistas e amigos de Niterói, a saber: CE Edna Zambão, CE Matilde Conti Slaibi Conti, CE Vânia Guida, Leda Motta Lima (filha do CE Tomaz Lima) e a tela do renomado artista Henrique Bonifácio, cedida pelo acervo do CE José Roberto Mocarzel. Aos quais, depositamos eterna gratidão pelo gesto de atenção e carinho. Hoje, temos todas as obras, em poder do Elos Clube de Niterói.

 

Os bilhetes da rifa, serão oferecidos ao custo de trinta Reais no Brasil e quinze Euros em Portugal. O sorteio se dará pela Loteria Federal do Brasil, na extração que corre na primeira quarta-feira de Dezembro de 2007 ( 05.12.07) e vai contemplar os cinco primeiros prêmios com as respectivas telas, a serem destinadas aos vencedores, através dos correios, com o frete incluso pelo Elos Clube de Niterói. Sobre a distribuição dos bilhetes da rifa destinados aos Elos Cubes de Portugal, contamos com o apoio do Presidente CE Alcindo Costa e da Secretária Internacional CE Maria Eduarda, que receberão em mãos, por especial favor do Presidente do Elos Clube do Rio de Janeiro CE Eduardo Neves Moreira, de viagem para Portugal.

 

Desde já, imbuídos do melhor sentimento elista, queremos agradecer ao Vice-Presidente do Elos Clube de Niterói CE Gentil Moreira de Sousa – ausente da Convenção por razões particulares – por se comprometer com 100 unidades da rifa. E, aos demais companheiros que entenderem esse nosso pedido de cooperação ao Elos Clube de Niterói, para que se faça o encerramento da XXVI Convenção Elos Internacional, com a mesma reciprocidade com que  trabalhamos para promover o Elos Internacional da Comunidade Lusíada.

 

Nos colocamos ao dispor para atender aos que tiverem quaisquer dúvidas sobre os pormenores encontrados neste relatório.

 

Com as mais elevadas saudações, de apreço e consideração,  subscrevemos,

 

 

 

CE Labouré Lima

Coordenadora da XXVI Convenção Internacional

 

 

 

CE Tomaz Correia de Miranda Lima

Presidente do Elos Clube de Niterói

 

 

 

 

 

2 comentários:

  1. Querida, eu me diverti muito na covencao e foi um grande prazer em participar desse maravilhoso encontro! Obrigada pela oportunidade.

    Muitos beijos e abracos da sua filha,

    Raquel Lima

    ResponderExcluir
  2. Olá Raquel,

    minha querida, muito obrigado por seu comentário a essa postagem. Saiba que para nós, foi um momento muito importante contar com a sua colaboração na organização da XXVI Convenção Internacional do Elos da Comunidade Lusíada, além do prazer de conviver com os elistas que estiveram em Niterói durante o evento, vindos do Brasil e de Portugal. E quanto a você, nem poderíamos imaginar que alguns dias depois, estaria embarcando para um percurso tão longo que a levou para a Nova Zelândia, Austrália, Tahilândia e Emirados Árabes (Qatar), onde se encontra hoje, trabalhando como Supervisora de Eventos Culturais. Que outras oportunidades aconteçam, onde possamos contar com você e sua experiência em eventos internacionais.Um beijinho da sua mãe que te adora.

    ResponderExcluir